30agosto2016

[Resenha] Tim Atlas na Montanha das Harpias – Daniel de Carvalho

13654345_535487263322364_5583050139884170028_n

 

 

Sinopse: “Afinal, o que importa o que nós somos? O que verdadeiramente importa é o amor que temos em nossos corações.”
Tim Atlas foi encontrado à beira da morte, mas foi salvo pelo doutor Ignatis. Sem lembrar-se do seu passado, Tim Atlas consegue um trabalho na Reddy-Detetives tendo como primeira missão encontrar duas gêmeas desaparecidas nas selvas da Rondônia. Tim Atlas embarca para Guajará-Mirim para iniciar as buscas, sem imaginar que a maior aventura da sua vida estava apenas começando. Índios Parecis, Homens Voadores, seres encantados, Montanha das Harpias. Será que ele vai desistir diante de tantas adversidades? Com a ajuda da Moça da Floresta, Tim Atlas irá encontrar não apenas as respostas que procura, mas sentimentos que sequer imaginou possuir, além do mais, descobrirá ser parte de uma grande profecia, resta a ele encontrar o que procura e também a si mesmo.

Onde Comprar?

Site do autor

Continue lendo

Categorias:Editora, Resenhas
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

19abril2016

[Resenha] Dream Guardians #1 e #2 – Sylvia Day

Sinopse – No limiar entre o sono e a consciência, uma batalha se trava entre o sonho e o pior pesadelo. Capitão Aidan Cross é uma lenda, tão hábil em criar sonhos eróticos quanto em matar seus inimigos. As mulheres o veem como parte de suas fantasias… Exceto Lyssa Bates. Esquisita, enigmática e desejável, Lyssa desdenha deste sedutor imoral, porque ela o vê como ele realmente é. E, enquanto ele tenta desvendar seus segredos, o impensável acontece: Aidan se apaixona.Lyssa tem tido os sonhos mais incríveis com esse homem de olhos azuis que promete prazeres intensos e profunda intimidade. Até que ele aparece em sua porta. Mas na sua rendição, há também um grande perigo… Aidan está em uma missão e a paixão que os consome poderá ter consequências terríveis. Amar a mulher que veio para destruir o seu mundo não é só apenas impossível… é proibido.
O livro conta a história de Aidan Cross, um dos Guerreiros de Elite e um dos líderes dos Guardiões dos Sonhos. Existe um plano intermediário, onde esses Guardiões protegem os humanos dos Pesadelos, que são entidades perigosas. Esse trabalho árduo já dura milhares de anos e os Anciões acreditam que dentre os humanos, existe um que será a Chave. A Chave seria a pessoa que poderá determinar uma mudança de equilíbrio nessa luta infindável.
Em Temecula Valley, no sul da Califórnia vive a veterinária Lyssa Bates com Jujuba, seu gato malhado. Desde cedo Lyssa tem dificuldades para dormir e isso está afetando a sua vida. Ela não consegue encontrar explicações médicas para o seu quadro, mas o seu corpo não aguenta mais os efeitos dessas dificuldades.
Os Guardiões são enviados para analisar Lyssa em seu sono e é quando Aidan e Lyssa se conectam. Sem saber quem ele é, Lyssa começa a ter pequenos fragmentos de seus sonhos, algo impossível, e Aidan fica cada vez mais encantado com a veterinária.
A grande questão são as verdadeiras intenções dos Anciões. Eles que guiam os Guardiões poderiam estar mentindo?
O livro é de rápida leitura e caliente. A química entre os protagonistas é ótima e esse ar sobrenatural na trama deu um toque a mais ao livro. A trama é direta e sem muita complexidade, mas é uma leitura gostosa para os fãs do gênero.
Quanto à parte dos Guardiões, seu papel e como funciona a passagem entre os planos, ainda faltam inúmeras explicações. Por se tratar do primeiro livro da série, acredito que as explicações serão fornecidas aos poucos, com o passar dos livros.
Os protagonistas são cativantes e carismáticos e a linguagem do texto é simples e fluida.
Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um ótimo trabalho. 
ISBN-13: 9788544100530
ISBN-10: 8544100538
Ano: 2014
Páginas: 256
Idioma: português 
Editora: LeYa
Skoob: clique aqui
Avaliação: 3/5

Sinopse – Sylvia Day traz para suas leitoras o bárbaro que toda mulher sempre sonhou em conquistar Stacey Daniels sempre se sentiu atraída pelo tipo errado de homem. E seu coração sabe que o viking musculoso e machucado que aparece surpreendentemente na porta de sua casa não será exceção. Uma visão de suas mais secretas fantasias eróticas – um verdadeiro Deus – ele a excita com sua aura de perigosa sensualidade. Sua alma sabe que essa submissão trará perigos imprevistos para sua vida – e ainda assim ela não consegue resistir. Ele simplesmente combina o domínio dos prazeres mais pecaminosos à uma doce sensualidade. Algo que ela sempre desejou. Mas, amar Connor é um fardo que nenhuma mulher mortal é capaz de carregar. Apesar de encontrar consolo na paixão e no calor do corpo de Stacey, a realidade de Conor é aquela dos sonhos mais obscuros, permeada por violência e luta, e são esses elementos que ele trará para o mundo da amante. Calor da Noite é um romance erótico arrebatador e surpreendente, com uma pitada irresistível de fantasia, e que tem tudo para conquistar as fãs da best-seller mundial Sylvia Day.
Connor é o melhor amigo de Aidan e no primeiro livro estava cético sobre os questionamentos do Capitão em relação aos Anciões. Porém, ainda em “Prazeres da Noite” ele descobriu que realmente haviam segundas intenções por parte dos estranhos líderes e assumiu como responsabilidade ficar vigiando seus passos enquanto Aidan tem sua vida com Lyssa na Terra. 
Além disso, há uma rebelião envolvendo os Guardiões, pois agora eles sabem que todos os ensinamentos aprendidos desde cedo servem apenas para os propósitos dos Anciões. Alguns se sentem profundamente enganados e irão lutar contra aquilo que cresceram aprendendo.
Acontece que Connor Bruce faz uma descoberta significativa sobre o verdadeiro significado da Chave e da profecia e com isso, precisa ir alertar o casal.
Ele só não esperava encontrar Stacey, amiga de Lyssa. Stacey é uma daquelas personagens que te conquistam desde o primeiro instante. Ela têm uma fragilidade emocional gritante, mas ao mesmo tempo tenta disfarçar de todas as formas, seguindo em frente mesmo sofrendo em silêncio. Connor por outro lado sempre foi o cara brincalhão, que nunca pensou em ter um relacionamento. Mas ao ver a dinâmica do casal de amigos, ele percebeu o quanto estava perdendo.
Como no primeiro livro, a leitura é rápida e dinâmica. A autora vai fornecendo algumas pistas em cada livro, mas não revela o quadro geral. 
Connor e Stacey também tem uma boa química e ambos são carismáticos, mas de forma diferente do casal do primeiro livro. A descontração do Connor e a vulnerabilidade emocional de Stacey se complementam, deixando a interação entre eles irresistível.
Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um ótimo trabalho. 
ISBN-13: 9788544103791
ISBN-10: 8544103790
Ano: 2016
Páginas: 224
Idioma: português 
Editora: LeYa
Skoob: clique aqui
Avaliação: 3/5

Categorias:Outros
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

01abril2016

[Resenha] Sombrio – D.I. Sean Corrigan – Livro 02 – Luke Delaney

Sinopse – O segundo livro do autor de Brutal traz de volta o sagaz detetive Sean Corrigan, especializado nos casos mais difíceis envolvendo serial killers em Londres. Em sua nova investigação, Corrigan está à caça de um assassino de mulheres que mantém suas vítimas em cativeiro antes de executá-las, com requintes de crueldade. O que essas mulheres têm em comum? Que tipo de obsessão faz com que o assassino aja dessa forma? Vítima de abuso e violência na infância, o detetive sabe que precisa agir estrategicamente e usar seu instinto para identificar o mal, onde ele estiver. E terá que correr contra o tempo antes que novas vítimas em potencial cruzem o caminho do criminoso. Luke Delaney é o pseudônimo usado por um policial que durante anos trabalhou na polícia londrina investigando os crimes mais difíceis da cidade.

Sean Corrigan, o protagonista que dá nome a série, é um homem focado no trabalho. Ele teve uma infância abusiva e como consequência, ele meio que tem o “dom” de entender melhor a mente dos criminosos mais infames. É como se ele visse da perspectiva deles e conseguisse entender seus motivos e anseios. Sean é casado com Kate, uma médica que trabalha no setor de emergência e tem duas filhas: Mandy e Louise. A interação familiar é um pouco tensa, pois Sean acaba se focando demais no trabalho, deixando de passar um tempo com as filhas pequenas e não dando atenção a esposa. Apesar de entender o seu lado, conhecer o seu passado e amá-lo profundamente, Kate fica frustrada, pois Sean não é o único que possui um trabalho estressante. Essa dualidade dele é o que encanta durante a leitura, pois ficamos irritados e estressados por sua falta de consideração com a própria família, mas também ficamos agradecidos por sua dedicação nesses casos tão difíceis. 
A equipe de Sean aos poucos vai sendo apresentada. Os personagens que tem uma maior participação na história é o sargento-detetive Dave Donnely e a sargento Sally Jones. Os peritos também contribuem bastante e demonstram sua importância.
O interessante no Sean e em toda a sua equipe é a imperfeição. Eles são cheios de defeitos, cometem erros, magoam pessoas queridas. Tudo isso porque são humanos. E é essa humanidade tão forte nesses personagens que os tornam carismáticos.
A equipe é chamada para investigar o desaparecimento de Louise Russel, uma mulher na faixa dos trinta anos de idade, casada, que em uma manhã simplesmente sumiu. Enquanto a polícia especula se ela não fugiu com um amante, por conta das ligações da família e do marido, foi solicitado que a melhor equipe investigasse o caso. 
Como vocês podem imaginar, Louise não fugiu. Ela foi capturada por um homem completamente insano, que não apenas tortura psicologicamente suas vítimas, como também realiza barbaridades aos seus corpos. 
Durante os trechos em que observamos o criminoso e às vítimas, vemos uma mente doentia e distorcida, que tenta reparar algo do passado de uma forma arrepiante.
O que torna a série tão atrativa é a forma como o autor coloca os sentimentos e pensamentos do assassino. Ficamos tão conectados a ele quanto às suas vítimas e no final, passamos por uma montanha russa emocional.
Mais uma vez houve uma descrição minuciosa dos crimes e do cenário, o que auxiliou ainda mais na vivacidade dos acontecimentos.
“Sombrio” é uma obra prima, repleta de drama, suspense e com um final arrebatador.

“Não houve resposta. Karen apenas se enroscou formando uma bola apertada, e começou a cantar uma música, bem baixinho. Louise se esforçou para entender as palavras. Quando conseguiu, percebeu que ela não cantava uma música qualquer, era uma canção de ninar.” (p. 35)

ISBN-13: 9788568432471
ISBN-10: 8568432476
Ano: 2016 
Páginas: 464
Idioma: português 
Editora: Fábrica 231
Skoob: clique aqui
Avaliação: 5/5
Confira a resenha de Brutal, primeiro livro da série. 

Categorias:Outros
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

21fevereiro2016

[Resenha] Supernatural Nunca Mais- Keith R. A. DeCandido, Guerra dos Filhos – Rebecca Dessertine e Coração do Dragão – Keith R. A. DeCandido

Sinopse – Sam e Dean vêm à cidade de Nova Iorque para verificar a casa assombrada de um roqueiro local. Mas antes que eles possam descobrir por que uma banshee apaixonada em uma camiseta heavy-metal dos anos 80 está se lamentando no quarto, um crime muito mais macabro chama-lhes a atenção. Não muito longe da casa, dois estudantes universitários foram espancados até a morte por um estranho agressor. Um assassinato, que é bizarro mesmo para os padrões de Nova Iorque, é o mais recente em uma série de crimes que os irmãos logo suspeitam serem baseados nos contos horripilantes do lendário escritor Edgar Allan Poe.

Sem dúvida “Supernatural Nunca Mais” é um livro para os leitores fãs da série televisiva. Esse livro nos remete à segunda temporada (a história se passa em 2006), onde os irmãos Winchester recebem uma ligação da Helen, pedindo que investiguem a casa de um roqueiro local. 
Outra investigação ocorre em paralelo. Na Universidade de Fordham, no Bronx, dois alunos, John Soeder e Kevin Bayer são brutalmente assassinados de uma forma altamente improvável.

“Pelo menos, o primeiro morreu logo. Mas o outro, o que ficou murmurando para si mesmo depois de o primeiro ter morrido, o orangotango teve que ficar socando e socando até ele finalmente ceder. Assim que o segundo deu seu último suspiro, ele falou o encantamento uma última vez…” (p. 07)

Essas duas mortes brutais chamam a atenção dos irmãos, que por estarem em NY, aproveitam para investigá-las também.
Dois casos que inicialmente aparentam não ter ligação, mas que possuem algo em comum. Para descobrir o que está acontecendo, Dean e Sam irão precisar da ajuda de um policial local e de uma velha amiga de John Winchester.
A trama tem o mesmo tom da série. Primeiramente somos apresentados aos crimes, logo em seguida os irmãos surgem, trazendo consigo os diálogos sarcásticos e os problemas pessoais. Temos algumas investigações, revelações e claro, a grande caçada.
ISBN-13: 9788560610884
ISBN-10: 856061088X
Ano: 2013 
Páginas: 194
Idioma: português 
Editora: Gryphus
Skoob: clique aqui
Avaliação: 3/5

Sinopse – Uma história de Supernatural que revela uma nova aventura para os irmãos Winchester. Vinte e três anos atrás, Sam e Dean Winchester perderam sua mãe para uma demoníaca força sobrenatural. Após a tragédia, seu pai os ensinou tudo sobre as coisas paranormais e ruins que vivem nas esquinas escuras da América e como matá-las. Caçando Lúcifer, os garotos se encontram em uma cidade pequena na Dakota do Sul aonde encontram Don, um anjo com uma proposta. O quão longe irão os rapazes para descobrir o segredo que Satan nunca quis que eles descobrissem?

Para os leitores que são fãs da série “Supernatural”, os livros da série publicados pela Gryphus são um complemento maravilhoso. Em “Guerra dos Filhos” o leitor irá acompanhar os acontecimentos após Sam quebrar o Selo do Inferno e os irmãos Winchester descobrirem que eles são os receptáculos de uma guerra milenar entre irmãos.
Quem conhece os Winchester sabe que eles não gostam de aceitar ordens, muito menos vindas do céu e do inferno. 
Os dois entram em uma jornada em busca de uma alternativa. Essa alternativa leva os dois à uma viagem no tempo, onde eles regressam para Nova York, no ano de 1954.
Narrado em terceira pessoa, mas apresentando os pensamentos e sentimentos dos dois irmãos, o livro traz elementos que são presentes no seriado de televisão: piadas sarcásticas, muita música, palavrão e um carro clássico para levá-los.
Sam e Dean precisam lidar com anjos na terra, um Bobby ranzinza por estar na cadeira de rodas, Castiel, demônios e dois caçadores da década de 50.
Em relação à revisão, diagramação e layout, a editora realizou um ótimo trabalho. A fonte poderia ser um pouco maior, mas é questão de gosto pessoal. 
” Você sabe alguma coisa sobre esse livro? Chama-se A guerra dos Filhos da Luz contra os Filhos das Trevas.
– Todo mundo ouviu falar dele – replicou Bobby, soando mais natural. – É um segmento dos Pergaminhos do Mar Morto, e um dos textos apócrifos mais lidos da Cristandade. O problema é que ninguém leu o final.” (p. 24)
ISBN-13: 9788583110149
ISBN-10: 858311014X
Ano: 2014 
Páginas: 245
Idioma: português 
Editora: Gryphus
Skoob: clique aqui
Avaliação: 4/5

Sinopse – Vinte e sete anos atrás, Dean e Sam Winchester perderam sua mãe para uma força sobrenatural misteriosa e demoníaca. Nos anos que se seguiram, o pai deles, Jhon, ensinou-lhes sobre o mal paranormal que vive nos cantos escuros e nas estradas vicinais da américa…e ensinou-lhes a como matá-lo. Quando o anjo renegado Castiel alerta Sam e Dean para uma série de assassinatos particularmente brutais na Chinatown de San Francisco, eles percebem que o Coração do dragão está de volta. Jhon Winchester enfrentou o aterrorizante espírito 20 anos atrás, e a família Campbell o combateu 40 anos antes – podem os rapazes ser bem sucedidos onde seus pais e avós falharam?


O livro começa contando a história do samurai Nakadai, que graças a seu amigo Cho, ficou conhecido como Doragon Kokoro (o Coração do Dragão). Nakadai era um homem honrado e visto por todos da cidade como alguém justo. Quando um dilema envolvendo duas noivas surgiu, um demônio se aproveitou da situação para causar o caos e envolver Nakadai.

“As chamas sobrenaturais, convocadas por um encantamento aos sussurros, entrelaçavam-se em volta de Coração do Dragão, enegrecendo a pureza e a nobreza dele enquanto as chamas físicas fundiam sua carne, músculos e ossos.
Quando chegasse a hora, o espírito de Yoshio Nakadai iria se tornar uma arma de poder inimaginável nas mãos da hoste demoníaca: uma alma nobre a serviço de uma causa ignóbil.” (p. 14)

Após essa apresentação a trama pula para 2009 (os eventos do livro ocorrem na quinta temporada do seriado). Cass aparece e pede os irmãos Winchester que se dirijam à São Francisco, onde o Coração do Dragão surge. Atendendo ao pedido do anjo amigo, os dois rumam a sua nova aventura.

Em meio a esse caso denso que tem algumas centenas de anos, o leitor se depara com o passado da família Winchester. Mary, John aparecem, trazendo o sentimento de nostalgia durante a leitura. A infância de Sam e Dean também ganha espaço nesse livro e nos deparamos com um espírito que causa empatia ao leitor: Nakadai.
O trabalho gráfico da obra foi muito bem feito. Nos livros anteriores haviam alguns probleminhas, mas nesse último lançamento, o cuidado é visível. Não há muito o que falar da capa. 

ISBN-13: 9788583110453
ISBN-10: 858311045X
Ano: 2015 
Páginas: 245
Idioma: português 
Editora: Editora Gryphus
Skoob: clique aqui
Avaliação: 5/5

Categorias:Outros, Resenhas
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

12318