19Janeiro2018

[Divulgação] Lançamentos de Janeiro/18 da Editora Planeta


Sinopse – De inimigos mortais a aliados improváveis, dois adolescentes tentam proteger tudo o que mais importa para eles. Ella Harper foi capaz de superar cada um dos obstáculos que surgiram em seu caminho. Forte e resiliente, ela está disposta a fazer o que for preciso para defender as pessoas que ama. Mas lidar com o retorno do pai desaparecido e com o namorado cuja vida está por um fio pode ser demais para a jovem. Reed Royal tem um temperamento afiado e punhos ágeis. Mas sua habilidade para resolver problemas com violência já não é mais o bastante. Se ele quiser salvar a si mesmo e a sua garota, ele terá que superar o passado e sua reputação manchada. Ella precisa ser forte para lidar com os Royal… isso se Reed não destruir sua própria família antes.

 

Todo mundo já usou algumas dessas justificativas para o insucesso: “Eu tento, tento e não funciona”; “não tenho sorte”; “não dou pro negócio”; “por mais que eu ande, não saio do lugar”; “não fico fazendo marketing pessoal”. Em A sorte segue a coragem! Oportunidades, competência e tempos de vida, o professor Mario Sergio Cortella afirma que não se pode atribuir o sucesso ou o fracasso a forças externas. Em vinte capítulos, o autor de Por que fazemos o que fazemos? Um dos maiores best-sellers brasileiros dos últimos anos, discute comportamentos comuns a todos e aponta caminhos para que cada um cultive a própria sorte.

Sabe o que está faltando de verdade na sua vida? Você! Toda dificuldade é uma oportunidade de reencontro consigo mesmo.A sua felicidade está no aqui e agora. “Cada dia é único e esconde em si infinitas possibilidades”. É exatamente isso que a psicóloga e educadora emocional. Flavia Melissa propõe neste livro repleto de frases, pensamentos, reflexões e desafios para você viver o agora. Colocado em prática, este livro é verdadeiramente transformador e vai ajudá-lo a se desenvolver e ser uma pessoa mais feliz. É uma oportunidade de reconexão com sua essência adormecida e com o despertar para a sua melhor versão.

Ansiedade. Paranoias. Medos. Frustrações. Amor. Sonhos. Desilusões. Expectativas. Aquela vontade louca de desistir de tudo. Recomeçar. Desistir de novo. Sentir-se inteiro. Vazio. Transbordar. Se perder. Pode parecer, mas você não está sozinho… Em Sempre faço tudo errado quando estou feliz, Raquel Segal, criadora do Aquele Eita, fala de emoções reais, destas que a gente só conta para o travesseiro. É impossível não se impactar com seu traço revelador e, ao mesmo tempo, transformador.

Nas primeiras horas do dia 16 de dezembro de 1944, Hitler lançou sua última grande ofensiva contra os Aliados na região da floresta de Ardenas, na Bélgica. Era uma batalha crucial para os alemães que pretendiam dividir as tropas britânicas e americanas e forçar um acordo de paz com os aliados ocidentais. “Um ato de desespero do Führer”, afirmou um de seus principais comandantes. Surpreendidos naquela manhã de muita neve e frio extremo, parte dos soldados se rendeu e outra, retrocedeu. O sucesso inicial dos alemães e o contra-ataque dos Aliados nas sete semanas seguintes são contados de forma magistral por Antony Beevor, um dos mais importantes historiadores contemporâneos. Envolvendo mais de um milhão de homens, praticamente metade de americanos, a batalha de Ardenas se tornou a mais importante do front ocidental da Segunda Guerra Mundial – e decisiva para a derrota final de Hitler.

“Antes de ser Oficial do Imperador, sou Soldado de Cristo”. Essa foi a frase de coragem e bravura de São Sebastião que deu início ao seu martírio. Mesmo alvejado pelas flechas do exército de Diocleciano, o hoje Santo Católico não sucumbiu. Sua vida é, até hoje, exemplo de perseverança e resiliência. Neste livro, Padre Jeferson conta toda a trajetória de São Sebastião e aplica à vida cotidiana e moderna conceitos que podem melhorar todos os pontos de sua vida. A partir deste grande exemplo, seja forte, perseverante e não desista de seus sonhos, mesmo que seja atingido por flechas todos os dias!

Para o astrofísico Neil deGrasse Tyson, “o sistema solar deveria ser visto como nosso quintal, não como uma sequência de destinos que percorremos, um de cada vez”. Refletir sobre suas palavras requer o conhecimento de importantes conceitos da astronomia, imprescindíveis para a compreensão da natureza e variedade do nosso Universo. Por esse motivo, 50 ideias de astronomia que você precisa conhecer é leitura obrigatória a todos que desejam compreender os maiores mistérios do cosmos. Em 50 ensaios concisos e bastante elucidativos, o autor Giles Sparrow aborda teorias discutidas há séculos, ao mesmo tempo que reflete sobre temas espantosamente modernos. Definindo os termos essenciais da astronomia e as descobertas-chave dessa ciência, este livro examina o ciclo de vida das estrelas, a formação dos planetas, a estrutura das galáxias e os enigmas da matéria escura e do multiverso – questões que certamente deixarão você ainda mais envolvido pelos mistérios do Universo e pelas belezas do infinito.

Alguns a consideram um conflito inevitável. Outros, uma guerra desnecessária. Fato é que a chamada “Grande Guerra” foi um marco decisivo para a historiografia do século XX. É desse conflito, responsável pela morte de milhares de pessoas, que derivam o comunismo, o fascismo, as perseguições nazistas, assim como a desestabilização do Oriente Médio e a ascensão dos Estados Unidos da América como grande potência. Mas como a Europa, que apresentava um progresso científico, civilizatório, cultural e econômico sem precedentes na época, sucumbiu a uma guerra tão selvagem? Em Tudo o que você precisa saber sobre a Primeira Guerra Mundial, o jornalista e professor Santiago Farrell analisa com rigor e sensibilidade episódios excepcionais, e outros até mesmo desconhecidos, cuidadosamente selecionados e que surpreenderão os leitores mais exigentes, proporcionando um estudo minucioso desse evento. Entenda como a barbárie que durou quatro anos, mobilizou 65 milhões de soldados em campos de batalha nos cinco continentes, matou 20 milhões de pessoas, entre civis e militares, destruiu três impérios e teve histórias incríveis – como a do soldado inglês que poupou a vida de um jovem Hitler – mudou para sempre o curso da humanidade.

“Impossível reunir em um livro tudo o que precisamos saber sobre psicanálise”. É esse o alerta que a psicanalista Silvia Ons faz ao leitor no prólogo deste livro. E não sem motivo. Tamanha é a complexidade do tema que nem uma centena de livros dariam conta do “tudo”, mesmo porque, defende a autora, “tudo” não combina com a psicanálise. Lacan, cita ela, dizia que o analista deveria reinventar a psicanálise todos os dias. Mas isso não impediu a autora de reunir, neste volume, um compêndio bastante abrangente dos principais conceitos psicanalíticos, apresentados com grande clareza e síntese e contextualizados na história. Entenda como se desenvolveu a psicanálise, pelas mãos de Freud, como se lapidaram os conceitos do inconsciente, transferência e pulsão, como podem ser entendidas as diferentes classes de neuroses, a psicose e a paranoia. Ons dedica capítulos especiais a temas ligados à sexualidade, detalhando, por exemplo, como Freud mudou a maneira de encarar a homossexualidade, e esmiuçando os notáveis complexos de Édipo e de castração. Com quadros explicativos, glossário e bibliografia, este livro expõe com clareza e rigor os conceitos essenciais de um saber que é fundamental para o desenvolvimento humano.

Durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945), Krishnamurti não falou publicamente nos Estados Unidos; ele viveu tranquilamente em Ojai, Califórnia. As pessoas o procuravam para dialogar sobre muitos temas da época, ou sobre seus próprios dilemas pessoais. Seus problemas eram humanos universais, e asseveravam a afirmação de Krishnamurti: “Você é o mundo”. Conforme Krishnamurti desenrolava os fios emaranhados dos pensamentos e sentimentos das pessoas, revelava-se o núcleo ou fonte de uma preocupação, sem adornos e sem culpa.

Thaís Turesso

veja também os relacionados:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ana Carolina Venceslau dos Santos Janeiro 27, 2018

    Acho que o único livro que eu me interessei esse mês da editora foi Palácio de mentiras nunca tinha ficado muito interessada na continuação da história da princesa de papel o livro me decepcionou em algumas partes eu espero que o segundo conserte as coisas que foram feitas no primeiro livro

  • Patricia FQ Janeiro 29, 2018

    Tenho muita vontade de ler o Cortella. Vi alguns vídeos e de modo geral gosto muito.