16dezembro2017

[Divulgação] Lançamentos de Dezembro/2017 da Universo dos Livros

 

Sinopse – Esta história começa na cidade russa de São Petersburgo, no verão de 1901, com o nascimento de Anastásia, a grã-duquesa da Casa Romanov. Filha do czar Nicolau II da Rússia e da czarina Alexandra Feodorovna, acredita-se que a moça foi assassinada, junto à sua família, pelos soldados bolcheviques na horrenda noite de julho de 1918, no entanto, as circunstâncias de sua morte são tão duvidosas que geram discussões até os dias atuais. Mais de setenta anos após o massacre dos Romanov, os restos mortais da família foram encontrados e examinados, sanando assim grande parte dos questionamentos acerca do episódio, contudo, a morte de Anastásia ainda é envolta em mistérios. Este livro é baseado em fatos reais e especula ficcionalmente o que teria acontecido à grã-duquesa, caso tivesse sobrevivido, após a noite trágica que assolou a família imperial russa. Seu nome é Anastásia Romanov e esta é sua história de amor.

Sinopse – Sally Thorne surge na cena literária apresentando um ambiente de trabalho hilário e sensual em uma comédia sobre aquela conhecida linhazinha tênue entre o amor e o ódio. Lucy Hutton e Joshua Templeman se odeiam. Não é desgostar. Não é tolerar. É odiar. E eles não têm nenhum problema em demonstrar esses sentimentos em uma série de manobras ritualísticas passivo-agressivas enquanto permanecem sentados um diante do outro, trabalhando como assistentes executivos de uma editora. Lucy não consegue entender a abordagem apática, rígida e meticulosa que Joshua adota ao realizar seu trabalho. Ele, por sua vez, vive desorientado com as roupas coloridas de Lucy, suas excentricidades e seu jeitinho Poliana de levar a vida. Diante da possibilidade de uma promoção, os dois travam uma guerra de egos e Lucy não recua quando o jogo final pode lhe custar o trabalho de seus sonhos. Enquanto isso, a tensão entre o casal segue fervendo, e agora a moça se dá conta de que talvez não sinta ódio por Joshua. E talvez ele também não sinta ódio por Lucy. Ou talvez esse seja só mais um jogo.

Thaís Turesso

veja também os relacionados:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *