04outubro2017

[Resenha] Antes, Agora e Sempre – Heartbeat # 2 – Teodora Kostova

Sinopse – ANTES – Gia deixou Beppe entrar em sua vida muito facilmente, como se fosse a coisa mais natural do mundo. Ela ficou ao lado dele quando ele foi tão ferido que pensou que poderia morrer; ela o acalmou quando ele estava tão zangado que pensou em fazer algo de que se arrependeria pelo resto de sua vida. Gia salvou a vida dele. Pelo menos uma vez ele precisava ser forte por ela. Este momento agora era deles. Pertencia a eles, não a pais abusivos ou mortos, não à culpa, ao pesar ou à tristeza, não ao passado ou ao futuro. Mas será que o amor deles sobreviverá quando a tragédia os separar? “Eu tenho que ir, Gia. Estou cansado e… Eu me sinto vazio. Sei que você precisa de mim, mas eu não tenho mais nada para dar agora. Eu preciso me curar.” “Eu sinto tanto a sua falta que dói para respirar.” AGORA – Beppe ainda era o amigo mais próximo de Gia, mas eles nunca seriam nada mais do que isso de novo. Lembrar-se de como era ter a pessoa que você mais amava no mundo arrancada de você ainda doía. Gia estava determinada a nunca mais ser colocada nesta posição novamente. Nunca houve falta de amor, mas seria Beppe capaz de ganhar a con fiança de Gia novamente? SEMPRE – “Quando eu estava quebrado, você me deu pedaços de si mesma e me deixou inteiro novamente.” Antes, Agora e Sempre é o segundo livro da série Heartbeat. Tem a participação de personagens do primeiro livro da série, “Num piscar de olhos”, mas pode ser lido separadamente. É a história completa de Beppe e Gia – com um final. Um romance contemporâneo jovem adulto, recomendado para leitores com mais de 17 anos, devido à linguagem, atos sexuais e caras italianos incrivelmente gostosos.

O livro é dividido em três partes: Parte 1 – Antes, Parte 2 – Agora e Parte Três – Sempre, é narrado em terceira pessoa e gira me torno dos protagonistas Gianna (Gia) e Giuseppe (Beppe). Beppe tinha seis anos de idade e Gia oito quando se conheceram. Eram vizinhos que se tornaram melhores amigos e com Max, o irmão caçula de Gia, o trio tornou-se inseparável. Apesar de jovens, os três aprenderam desde cedo as injustiças da vida. Beppe e sua mãe sofrem abuso doméstico. O pai do garotinho é um homem incrível para o mundo, mas dentro de casa, é um verdadeiro monstro. Gia e Max então resolveram apoiar incondicionalmente Beppe, cuidando de seus ferimentos e o deixando desabafar toda a raiva e mágoa de uma vida inteira de dor e sofrimento.

Gia e Max tiveram que conviver com o câncer do pai desde cedo. Max, com apenas 14 anos de idade, tornou-se o cuidador das necessidades do pai acamado, enquanto a mãe trabalhava o dia inteiro para poder sustentar a todos. O pesar paira na casa desses três jovens, mas eles encontram conforto e apoio um no outro. Beppe e Gia vão crescendo e se torando cada vez mais inseparáveis. E a amizade se torna algo mais. Mas o destino tem uma maneira engraçada de se envolver em nossas vidas e uma grande reviravolta alterna tudo e Beppe, para se curar, precisa abandonar Gia e ir para Toscana, viver com seu avô Paolo Salvatore.

Gia racionalmente compreende a necessidade de Beppe de ir embora, mas emocionalmente não consegue lidar com isso. O abandono a abala de tão forma que ela se fecha emocionalmente, não deixando ninguém se aproximar novamente. Sim, ela tem relacionamentos, mas nenhum outro homem conseguirá chegar perto do seu coração. Para ela, é arriscado demais entregá-lo novamente.

Beppe por sua vez cresceu, amadureceu e pela primeira vez na vida compreendeu o que é ser verdadeiramente amado e como uma família deve ser. Ele se tornou um homem atraente que está estudando direito na Universidade de Gênova e que é muito popular entre as mulheres. Mas verdade seja dita. Nenhuma delas é Gia. E ele acredita que deu tempo e espaço o suficiente para ela. E pretende reivindicá-la.

“-Nenhuma delas é você.” (p. 20)

Gia e Beppe continuaram amigos, mas a amizade nunca mais foi a mesma. A tensão sexual e amorosa entre os dois é palpável e por mais que tente ignorar, Gia sabe que ela existe. Então, ela decide mergulhar de cabeça no trabalho e em um novo relacionamento. Mas será que isso dará certo?

A trama é muito bem desenvolvida e tem altos e baixos emocionais. Max, Beepe e Gia são três pessoas que cresceram em meio ao sofrimento e demoraram a se ajustar e que de alguma forma, ficaram emocionalmente atrofiados, mas que cresceram e se tornaram pessoas espetaculares, cuidadoras, amorosas e generosas. 

“Antes, agora e sempre” é uma belíssima história de amor, que fala sobre o encontro de almas gêmeas e é ambientada em lindas paisagens italianas. É uma história que fala da família que construímos com os nossos corações, fala sobre amor incondicional e perdão.

Em relação à revisão, diagramação e layout a Editora Charme realizou um trabalho excepcional. Internamente, o livro é repleto de detalhes que enriquecem ainda mais o livro e a editora teve um cuidado incrível na tradução. A capa é muito bonita, mas não diz muito sobre a história em si.

“-Me desculpe se te fiz acreditar que eu ainda tenho sentimentos românticos por você. Não era a minha intenção. Você sempre será uma das pessoas mais importantes da minha vida, Beppe. Nunca vou deixá-lo ir embora novamente. Mas também nunca vou lhe dar o poder de partir o meu coração de novo.” (p. 106)

ISBN-13: 9788568056448
ISBN-10: 856805644X
Ano: 2017
Páginas: 320
Idioma: português 
Editora: Charme
Skoob: clique aqui
Avaliação: 4/5

Carol Durães
Carol Durães

veja também os relacionados:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Hérica Lima outubro 5, 2017

    Como não amar romances? Já li algumas resenhas desse livro e a cada vez eu desejo mais ler.
    A principio pensei que fosse só romance mesmo, porém parece que a trama é mais recheada!
    Adorei a capa!
    Beijos

  • Camila Rezende outubro 5, 2017

    Não conhecia o livro e nunca li nada da autora.
    Depois de ler a sinopse fiquei curiosa para conhecer a estória.
    Pela sua resenha gostei de saber do jeito que a autora trabalhou com os personagens e mesmo eles tendo se separado eles ainda continuam amigos (ainda que não como antes).
    Outro ponto positivo é que o livro se passa na Itália (eu tenho muita vontade de conhecer).
    Que bom que a editora fez um bom trabalho na diagramação do livro.
    nao gostei muito da capa desse livro.
    Já coloquei esse livro na minha lista.

  • Marlene Conceição outubro 6, 2017

    OI Craol.
    Essa é a primeira vez que vejo falar dos livros, porém achei a premissa bem interessante.
    Não gosto o fato de que ele estão machucados e emocionalmente distantes, isso é uma das coisas que já cansei nos livros, por outro lado adoro o fato de que eles tem uma ao outro como apoio e isso torna tudo muito interessante, por isso vou dar uma pesquisada a respeito.
    Bjs.

    • Marlene Conceição outubro 6, 2017

      Ops, Carol

  • RUDYNALVA CORREIA SOARES outubro 9, 2017

    Carol!
    Nossa! A história de vida dos protagonistas é bem sofrida e deve trazer um drama intenso.
    Fiquei um pouco triste em ver que a princípio a tensão sexual atrapalha um pouco o relacionamento de Gia e Beppe.
    Fiquei com muita curiosidade em ver como tudo vai terminar entre eles.
    Desejo uma ótima semana produtiva!
    “Saber quando se deve esperar é o grande segredo do sucesso.” (Xavier Maistre)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE OUTUBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem

  • Karol Nascimento outubro 17, 2017

    Oiii….
    Nem li o livro e há me apaixonei…..esse parece aqueles livros que vai me fazer ficar triste em algumas parte mas em outras vai me fazer sorrir…ah gente já amo os protagonista e gostei do fato de mocinha ser mais velha que o protagonista é difícil ver isso…bom vou ler sem sombra de dúvidas…adorei a resenha..
    Bjs

  • Iêda Cavalcante outubro 22, 2017

    Oiee!
    Querido John é mesmo um livro muito tocante, foi o segundo livro do autor que li e gostei muito, Sparks sabe como deixar o leitor emocionado e surpreso.
    Porém o final, na minha opinião, deixou a desejar, gostei mais do final do filme do que do livro.
    Bjs!

  • Iêda Cavalcante outubro 22, 2017

    Oiee!
    Não conhecia esse livro e vejo que estava perdendo uma obra e tanto.
    Sua resenha me ganhou e já me vejo com o livro em mãos rsrs
    Preciso muito saber o que acontece com os três, principalmente se Gia e Beppe vão ficar juntos, esse vai pra minha lista de “preciso ler urgente” 😀
    Bjs!