04maio2016

[Resenha] Tudo por um Cowboy – Diana Palmer & Roxann Delaney



Coleção Cowboy Vol 001
Elas querem um cowboy para chamar de seu!



Tudo por um cowboy é um livro 2 em 1 da Harlequin Books. Nele temos duas histórias:



Aprendendo a amar – Diana Palmer
Shelby Jacobs jamais teve a intenção de machucar Justin Ballenger quando rompeu o noivado com ele, seis anos atrás. Na verdade, Shelby sempre o amou, porém foi forçada a se afastar. Com a família passando por momentos difíceis, ela está sozinha em Jacobsville e precisa desesperadamente da ajuda de Justin. Shelby fará de tudo para se reaproximar desse cowboy amargurado. Mas será que Justin permitirá que o amor derrube as defesas de seu coração? 

“Estivera apenas protegendo Justin, tentando poupar-lhe a agonia de perder tudo o que ele e a família tinham construído ao longo de tanto tempo e com tanta dificuldade. Mas, nesse processo, sacrificara a própria felicidade.” página 34

Ela terá que reconquistar o coração de um cowboy…



Na primeira conhecemos Shelby, uma moça rica que se apaixona por Justin, um jovem modesto. Por influência do seu pai, ela termina seu relacionamento e anos depois ganha a chance de reconquistar aquele que nunca deixou de amar.

Com um drama excessivo, a história não me agradou. Justin maltrata Shelby por um mal entendido que seria resolvido facilmente em uma conversa. O seu orgulho foi ferido e ele pensa ter o direito de se vingar, expondo Shelby a situações que me deixaram desconfortáveis. E ela sentindo-se culpada, aceita, tomando isso como uma punição. 
E assim a história se arrastou sem nenhum interesse da minha parte. Não fiquei feliz com o romance, muito menos na torcida para que eles ficassem juntos.


O coração de um cowboy – Roxann Delaney 
Tanner O’Brien importava-se somente com duas coisas: rodeios e cuidar do sobrinho. Não havia motivo nenhum para ter ficado tão distraído com a garota da cidade grande que visitava a pequena Desperation. Jules Vanderveer era o oposto do que Tanner considerava atraente em uma mulher. Mas por trás da bondade dela com seu sobrinho havia algo escondido que fez Tanner desejar uma cura para sua dor. 

“Talvez tivesse sido uma loucura ficar com ele. Não era o tipo de relacionamento que queria, com um cowboy que montava em rodeios, um esporte que jamais compreenderia. O amor fazia coisas estranhas com as pessoas.” página 273
Laçando o amor!
Já em “O Coração de um Cowboy”, Jules é uma advogada que conhece Tanner, um cowboy de rodeios. Ela não gosta de situações perigosas, então vê problemas em possuir sentimentos pelo homem que se arrisca em cima de um cavalo.
Tirando o fato de que não sou simpatizante desse tipo de esporte, essa história foi bem mais agradável. Tanner possui uma família complicada, com um sobrinho adolescente com problemas. Jules trabalha com crianças e jovens nas horas vagas e sente simpatia com a situação. Por ser de uma família rica, ela sempre quis ajudar as pessoas que não tiveram a mesma sorte que ela.
Nessa história os personagens secundários são mais utilizados, indo pelo menos um pouquinho além da função “juntar o casal principal” e acrescentando na trama. 
Com isso, a avaliação do livrou tornou-se mais difícil. Não gostei de uma, gostei da outra… Mas dou 3 estrelas.
Edição: 1
Editora: Harlequin Books
Ano: 2015
Páginas: 320
Avaliação: 3/5
Categorias:Outros, Resenhas
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Camila maio 5, 2016

    Oi, Andressa.
    Acho esses livros dois em um bem bacanas.
    E essas duas histórias parecem ótimos!
    beijos
    Camis – Leitora Compulsiva

  • Fabrica dos Convites maio 5, 2016

    Oi Andressa, Aprendendo a amar eu conheço, e adoro os enredos que a Diana cria, principalmente desta série Homens do Texas. Este em especial não foi dos melhores, mas espero que leia outros.
    Ja O coração de um cowboy eu não conheço, e não lembro de já ter lido algo da autora. Por isso vou anotar este nome