02janeiro2015

[Resenha] Princesa Adormecida – Paula Pimenta

Sinopse: Era uma vez uma princesa… Você já deve ter ouvido essa introdução
algumas vezes, nas histórias que amava quando criança. Mas essa princesa
sou eu. Quer dizer, é assim que eu fiquei conhecida. Só que minha vida
não é nada romântica como são os contos de fada. Muito pelo contrário.

Reinos
distantes? Linhagem real? Sequestro? Uma bruxa vingativa? Para mim isso
tudo só existia nos livros. Meu cotidiano era normal. Tá, quase
normal. Vivia com meus (superprotetores) tios, era boa aluna, tinha
grandes amigas. Até que de uma hora pra outra, tudo mudou.

Imagina
acordar um dia e descobrir que o mundo que você achava que era real,
nada mais é do que um sonho. E se todas as pessoas que você conheceu na
vida simplesmente fossem uma invenção e, ao despertar, percebesse que
não sabe onde mora, que nunca viu quem está do seu lado, e,
especialmente, que não tem a menor ideia de onde foi parar o amor da sua
vida.

Se alguma vez passar por isso, saiba que você não é a única.

Eu não conheço a sua história, mas a minha é mais ou menos assim…

Paula Pimenta nos brinda com um reconto de um clássico conto de fadas, em sua narrativa que a caracteriza como uma das autoras mais lidas em infantojuvenis, de forma clara, simples e objetiva ela conta a história de Áurea e de Phil. 
Não espere encontrar exatamente os mesmos acontecimentos, de forma sutil ela introduziu aspectos modernos que valorizaram a trama e enriqueceram todo o enredo.

A protagonista, Áurea Bellora é bonita, inteligente, tem aptidão com o piano e com sua voz, mas vive em um internato para meninas, com quase dezesseis anos ela ainda não conhecera ninguém que abalasse o seu coração, até mesmo porque vive em um local só com meninas e porque nos finais de semana fica com seus três tios (achei muito criativo, eles serviram muito mais do que as tradicionais tias fadas madrinhas) que a protege em demasia, mas um dia, em seu aniversário de dezesseis anos sua amiga Clara faz uma surpresa, leva ela em uma festa onde ela se divertirá muito e conhecerá a DJ Cinderela (lembram-se dela? A Cintia do O Livro das Princesas no conto “Princesa Pop”), no dia seguinte, ela começa a receber mensagens de um certo desconhecido “Phil”. Contrariando toda a orientação de segurança estabelecida por seus tios, ela embarca de coração e alma nesse amor platônico.

O desenrolar dos fatos contém spoilers e então não vou detalhá-los, posso apenas garantir que os leitores de Paula Pimenta e garotas a partir de 13 anos vão amar o livro.

 “Melodia era o que parecia estar me cercando agora. Como se eu estivesse dentro de um daqueles filmes da Disney em que is personagens estão sempre felizes e cantam o tempo todo.”

Pode parecer clichê, mas a autora consegue mudar aquilo que esperamos e em uma visão atual e moderna, mostrar que o “felizes para sempre” não precisa acontecer apenas nos livros, nem apenas naquela época, mas todos os dias e só depende de você!

Recomendo a leitura!

Categorias:Outros
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Thaila Gabriela janeiro 3, 2015

    O livro está aqui na minha estante esperando para ser lido. Quando eu li o conto Princesa Pop fiquei fascinada como Paula Pimenta conseguiu dar um tom tão moderno a uma história clássica da infância. Assim que vi que lançou Princesa Adormecida fiquei louca para ler. Ele vai ser uma das minhas próximas leituras. A capa é linda!

    Bjos

  • Paula de Franco janeiro 3, 2015

    Olá, Thaís.

    Estou com esse livro em casa e ainda não tive tempo de ler. Nunca li nada da Paula Pimenta e tenho grandes expectativas. Espero me apaixonar pela história de Áurea e Will. Adorei saber dos seus Tios também.

    Beijos.
    Visite: Paradise Books BR // Sorteio Fim de ano

  • Bruna janeiro 4, 2015

    Oi Thais! Nunca li nada da Paula Pimenta, mas tua resenha despertou minha curiosidade. Espero me apaixonar pela história tanto quanto você. Adorei o blog. Beijos
    http://brunaventurini.com.br

  • Julie _ Padu janeiro 6, 2015

    Oi. A Paula Pimenta respondeu teu twitter né? Que massa. Bom eu acho os livros dela ( e de outros) muito caro, só compro livro em sebo ou primo, enfim. Estou a fim de ler ela, apesar dos meus 32 anos rsrsrs ainda me sinto uma adole hihihi. Só não entendi por que a garota tem três tios e mora num abrigo… Acho que vou ter que ler…

  • Julie _ Padu janeiro 6, 2015

    Ops. Erro de digitação. Quis dizer que só compro livros em sebo e promoção…

  • Sarah Costa janeiro 8, 2015

    Oi,
    Já li diversas resenhas dos livroa da Paula, inclusive esse. Estou meia com o pé atrás em relação ao livro, mas eu acho que irei gostar, pois sou um pouco fascinada por clichês.
    E esse livro me pareceu que existe diversos pontos clichês e um pouco modernos.

  • Sarah Costa janeiro 8, 2015

    Oi,
    Já li diversas resenhas dos livros da Paula, inclusive esse. Estou meia com o pé atrás em relação ao livro, mas eu acho que irei gostar pois sou um pouco fascinada por clichês.
    Enfim acho que irei adquiri-lo, quem sabe em breve.

  • Fabrica dos Convites janeiro 8, 2015

    Oi Thia, esta é uma escritora que morro de vontade de conhecer. Sempre muito bem comentada nas resenhas de seus trabalhos. Minha sobrinha está lendo no momento, quem sabe acabo lendo depois.
    Bjs, Rose

  • Adri Brust janeiro 10, 2015

    Oi Thaís! Estou a tempos querendo comprar esse livro, mas sempre acabo deixando ele para depois, com medo de ser infantil demais. Mas não tem como não gostar de contos de fadas, e eu sou apaixonada por recontagens de contos de fadas. Espero conseguir esse livro logo, pois ele parece bem leve e rápido de ler, além de lindo. Adorei, agora me convenceu de vez a correr atrás dele.

    Beijos,
    Adri Brust
    http://stolenights.blogspot.com

  • Oliveira janeiro 11, 2015

    Desde o lançamento enrolo a ler esse livro, protelei tanto que terminou o ano e nada. Espero que nesse ano leia, preciso ver se o compro para fazer essa leitura logo.

  • Larissa Santos janeiro 15, 2015

    Oi Thaís,
    Essa é uma releitura que eu quero muito ler, a Paula conseguiu transmitir uma mensagem tão linda que eu quero saber mais sobre esse "felizes para sempre".
    Beijocas ^^

  • Joιѕ Duarte janeiro 22, 2015

    Não li nada da Paula Pimenta ainda, mas venho lendo resenhas que elogiam bastante os livros dela e adoro esse "up", releitura, repaginada, que os autores vêm dando aos contos.

  • BRUNO VALERIO janeiro 24, 2015

    Ainda não li nada da autora, mais a resenha me deixou bastante animado para ler.