08agosto2014

[Resenha] Fingindo ter 19 anos – Alyson Noël


Sinopse – À primeira vista, Alex tinha tudo: é linda, inteligente e melhor amiga de M, a garota mais popular da escola. Entendiadas com a vida luxuosa em Orange County, Alex e M decidem conhecer os badalados clubes de Los Angeles. Fingindo ter dezenove anos, Alex e M conhecem Connor e Trevor, dois garotos mais velhos e ricos. Alex não acredita como é sortuda! Elas são VIP em todas as festas particulares de Hollywood e nas baladas de Los Angeles. Essas escapadinhas são a distração perfeita para Alex que está secretamente encrencada com suas notas, seu pai ausente e sua mãe incompreensível. Mas Alex é forçada a reavaliar sua amizade com M, que esconde por trás de sua carinha de anjo alguns segredos.


Minha opinião – Comprei “Fingindo ter 19 anos” em uma promoção no ano passado, e indo atrás de algo mais leve, resolvi começar ele. Já vi a autora Alyson Noël pessoalmente em uma tarde de autógrafos na livraria perto da minha cidade e ela é uma fofura sem fim. Li alguns livros da série “Os Imortais” e até gosto da escrita dela, apesar das minhas implicâncias com a protagonista.

Alex – diferente do que fala a sinopse – tem dificuldades vivendo em Orange Country, já que não tem dinheiro para poder bancar uma vida glamourosa, seu pai não lhe dá atenção e suas notas na escola estão de mal a pior. Sem ver um futuro brilhante pela frente, correndo até o risco de não se formar no ensino médio, encontra nas idas para Los Angeles com M, sua melhor amiga muito rica, uma chance de esquecer os seus problemas.

Em uma dessas saídas ela conhece Connor, um produtor musical britânico que a convida para uma festa achando que ela e sua amiga M são mais velhas. Alex acaba sustentado a visão dele, contando que possui 19 anos, quando na verdade tem 17.

O livro não me empolgou, mas até gostei do final. Acompanhamos o amadurecimento de Alex que precisa fazer escolhas difíceis para o seu futuro e no início, por não acreditar nela mesma, acaba se prejudicando. A história também dá uma pequena lição sobre amizade, mostrando que às vezes pensamos que algumas pessoas querem nosso bem, mas na verdade elas acabam nos prejudicando.

Eu me identifiquei com alguns momentos que Alex passa com os pais que são divorciados, assim como os meus, e me vi em algumas cenas reagindo da mesma forma que ela.

O título chega a ser algo bobo e aumenta a importância dessa mentira, como se fosse o foco do livro, porém a trama principal não gira em torno disso, a mentira apenas desencadeia alguns eventos. A capa também não é uma das melhores, mas não chegou a ser um incômodo.

Se você já não gosta de livros infantojuvenis, a leitura não é uma das mais indicadas. Alex é uma adolescente por vezes irritantes, mas com tudo que ela passou e pela ausência do pai, podemos até compreender algumas atitudes que ela toma, porém algumas situações chegam a ser bobas e sem sentido, desestimulando a leitura.

Categorias:Outros, Resenhas
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ana Paula Barreto agosto 8, 2014

    Volta e meia também sinto a necessidade de ler algo mais leve. Ainda não conheço a autora, mas vou dar uma olhada nos livros dela para ver se me interesso por algum.
    Quanto à história, me enquadro no grupo de pessoas que já não curtem mais infanto-juvenis. Em outras épocas, provavelmente gostaria do livro e me identificaria, de alguma forma, com a personagem.
    bjs

  • Dilza Sousa agosto 8, 2014

    Eu não gosto muito desse tipo de livro. :/
    Não gostei muito da Alex pelo que você falou, por algumas das suas ações bobas. Mas se tiver uma ressaca vou me lembrar desse livro.
    Boa resenha! Abraços!!

  • Bruno Valério agosto 8, 2014

    Costumo gostar de infantojuvenil que tem um pouco de fantasia e não um estilo muito "escolar". Pelo que vi esse livro não te agradou muito não é Dessa, ele ganhou 2 estrelas. Bom em fim… não gosto de personagem irritantes porque geralmente eles irritam do inicio ao fim do livro tornando a leitura um pouco cansativo. Portanto esse livro não está entre um dos mais desejados por mim apesar de ter uma capa espetacular na minha opinião.

    Bruno Valério

  • Letícia Souza agosto 8, 2014

    Oiee
    O livro oferece uma leitura bem despretensiosa mas não consegui me interessa por ele.
    E afirmo que grande parte foi por culpa da capa e do título e alias a história chega a ser
    meio "morninha" demais.Está mais para filme da sessão da tarde.
    beijos

  • rafaela agosto 8, 2014

    Eu já li a série Os Imortais, mas confesso que não gostei não. Achei os livros muito enrolados, e por isso já tinha desistido da autora. Esse livro até parece ser legalzinho, parece ser bem leve e bom para ler em uma tarde. Realmente, pelo título parece que o foco do livro é na mentira… Também não gostei muito da capa, achei ela bem feia!
    Beijos!

  • raquel rodrigues agosto 10, 2014

    Oi , ja tinha ouvido falar da série Os Imortais , mais nunca me interessei por ele , nunca tinha ouvido falar deste livro ate agr , e ele parece ser bem legalzinho , concordo com vs quando vs fala que a capa nao é uma das melhores , pois ela é bem feia e acho q leria o livro so pelo fato de querer saber os segredos que a M esconde ! quem sabe em breve eu tenha oportunidade !

  • pamela mendes agosto 10, 2014

    Eu já comecei a ler a série Os Imortais, mas abandonei na metade. Depois eu comecei a ler Eco da autora também, esse eu acabei de ler mas achei bem chato também. Agora eu já desisti da autora, nem pretendo ler esse Fingindo ter 19 anos porque parece meio chato também =P
    Bjss

  • Joιѕ Duarte agosto 11, 2014

    Não gosto de livros infanto-juvenis… leio resenhas que falam de personagens mimados e suas birras e só consigo pensar em "será que eu era tão mala nesta idade?"
    E as sinopses do livros da Alyson não me chamam a atenção, acho bobas.

  • Jéssica Maria agosto 13, 2014

    Adoro livros infanto-juvenis, mas não me interessei por esse , essa capa está muito estranha e essa trama parece tão msm construída, sei lá, só não gostei .

  • Georgia @stupidlambgirl agosto 31, 2014

    Orange County! OC! awn!
    É o primeiro livro da Alyson que me interesso um poquinho.
    Vou prestar mais atenção a partir de agora.