14agosto2012

Resenha Internacional – Evernight – Claudia Gray

Livro: Evernight
Autora: Claudia Gray
Editora: HarperTeen
Categoria:  Literatura Internacional | Sobrenatural 
ISBN:  9780061284397
Páginas: 336
Lançamento: 2008
Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ 

Sinopse:
   Bianca wants to escape.



She’s been uprooted from her small hometown and enrolled at Evernight Academy, an eerie Gothic boarding school where the students are somehow too perfect: smart, sleek, and almost predatory. Bianca knows she doesn’t fit in.



Then she meets Lucas. He’s not the “Evernight type” either, and he likes it that way. Lucas ignores the rules, stands up to the snobs, and warns Bianca to be careful — even when it comes to caring about him.



“I couldn’t stand it if they took it out on you,” he tells Bianca, “and eventually they would.”



But the connection between Bianca and Lucas can’t be denied. Bianca will risk anything to be with Lucas, but dark secrets are fated to tear them apart . . . and to make Bianca question everything she’s ever believed.

A autora narrou bem o livro. As passagens de
tempo (dias, semanas, meses) foram feitas de forma rápida e direta. Não
teve aquela enrolação que sempre tem, agilizando bastante a leitura. Que
apesar do livro ter 19 capítulos ao todo e os capítulos tem em média 20
páginas cada. Quando a leitura começou a ficar cansativa e sem graça, ela fez uma reviravolta na história tão grande que não acreditei. Na
verdade teve três momentos do livro que fez meu coração ter uma dose de
adrenalina tremenda.
Não há nada inovador na
história, uma coisa ou outra, mas como todas as histórias de vampiros têm
seus clichês. O livro foi lançado em 2008 quando Crepúsculo estava
chegando ao seu auge. Penso que se não houvesse Crepúsculo, essa série
iria se destacar bastante, pois tem seus clichês, mas a autora mudou
bastante a trama.
No começo da leitura a
academia Evernight me lembrou um pouco a escola de House of Night, pela
descrição e também pelos professores. Mas essa academia é mais sombria e
não tão chata, se é que me entendem. Os
personagens foram bem caracterizados, todos tinham sua personalidade, só
em certo momento que estranhei o que Bianca estava fazendo, pois aquilo
não era “digno” de uma de suas ações.
O final
pareceu forçado e corrido, foi imprevisível, mas também forçado. Um ótimo
gancho para a continuação que se chama Stargazer (lançado aqui como
Caçadora de Estrelas). Se você não quer se aventurar na leitura deste
livro em inglês, ele já foi lançado aqui com o nome de Noite
Eterna. Recomendo, apesar de alguns contras, pois o “clichê” se tornou
surpreendente.

 

Categorias:Outros
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • leitoracompulsiva agosto 14, 2012

    Eu li esse livro há algum tempo e preciso dar continuidade na série. A coitada ficou esquecida lá na estante!
    beijos
    Camis – Leitora Compulsiva

  • Angela Graziela agosto 14, 2012

    Ainda não tive contato nenhum com essa serie
    Mas parece ser um bom livro

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

  • Danielle CGA Souza agosto 14, 2012

    Achei interessante sua resenha, apesar de nunca ter visto esse livro antes. Gosto de vampiros… menos os de Crepúsculo. XD mas posso viver com isso.
    Uma escola de vamps… legal… eu estou lendo House of Night, tô no 4 livro e gostando bastante.

  • Jessica Lisboa agosto 15, 2012

    Ja tinha visto ess capa em algum lugar nao me lembro onde, mas tinham me falado muito bem desse livro e que eu tinha que o ler, agora que sei o nome vou saber um pouco mais sobre a historia.

  • Fellipe agosto 18, 2012

    Eu já li esse livro em português e gostei, mas acho que se eu tivesse começado a lê-lo sem saber de que se tratava de vampiros eu teria gostado ainda mais, e se não fosse esse final (que eu não achei forçado, só um pouco corrido) eu teria desistido da série, mas ele me deixou bastante curioso pelos outros livros então um dia espero lê-los rs