08dezembro2011

Stravaganza: Cidade das Máscaras – Mary Hoffman

Livro: Stravaganza: Cidade das Máscaras
Autor: Mary Hoffman
Editora: iD
Categoria: Ficção | Literatura Internacional | YA
ISBN: 9788516072926
Páginas: 336
Lançamento: 2011
Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

Saraiva | Pesquise menor preço

Sinopse:
Em um lugar muito distante, nos tempos da Renascença, um homem tira a sorte: nas cartas, ele prevê que sua soberana está em perigo. O número 16 aparecia em todas as somas, e um caderno aparece ligando todos os sinais. Em outro plano, na Londres do século XXI, Lucien tem 16 anos e está com leucemia; para alegrar seu dia, seu pai o presenteia com um objeto muito semelhante… e mal sabe o garoto que, uma vez com ele, seus sonhos poderiam trazer uma nova realidade cheia de maravilhas, mistérios e intrigas nos quais ele terá um papel fundamental. Primeiro livro da série.

          Se você pudesse viajar pelos séculos, através de um caderno, e ainda manter-se em dois mundos distintos pelo dia ou pela noite, você acreditaria nestas mudanças atemporais? Esse é o mote do livro que resenho hoje para você, caro leitor.

Stravaganza:  Cidade das Máscaras é um livro surpreendente e,  é impossível não se identificar de uma forma ou outra com os personagens, que são marcantes e cada um importantíssimo a seu modo para o decorrer da narrativa e do desempenho dos personagens.

Conheceremos um garoto que está preso em sua carne adoecida pela enfermidade incurável e mesmo que se esforçando para o tratamento e sua cura, ele vê sua total recuperação cada vez mais distante de seus sonhos reais, até que…

Um caderno estranho, antigo. Este é o presente que ele recebe de seu pai, presente que o transportará diretamente para Belezza, vida e saúde ele lá encontra,  e descobrir que pode viajar de um mundo e outro com um caderno é ao mesmo tempo surreal e incrivelmente possível, mas poderia ele sobreviver vivendo em dois mundos, antes e depois? Veneza e Belezza?

Semelhanças entre as cidades mais belas do mundo poderão ser encontradas pelo protagonista, mas para ele uma única moça e espirituosa lhe chama a atenção e essa poderá lhe render grandes abalos.

Toda a narrativa é rica em descrições (rápidas e eficientes) não prolongadas, que tornam a história envolvente e a narração prossegue rapidamente entre as épocas e fatos. Durante toda a leitura, procurei por fatos (ou defeitos?) que me desagradassem no livro, mas não os encontrei. Algo que incomodou um pouco foi erros de digitação que, em uma revisão mais minuciosa não apareceriam.

Esse é o tipo de livro que, quando terminamos a leitura, faz com que desejemos ler novamente, pois a profundidade dos personagens é marcante, a história é nova e pouco explorada por escritores e a idealização do autor é de grande imaginação e ricamente construída. Recomendadíssimo!

Categorias:Outros, Resenhas
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Raquel Pereira dezembro 8, 2011

    Thaís,
    Me encantei com a resenha.
    Parece um livro que mistura realidade e fantasia.
    Fiquei com muita vontade de ler.
    E a capa dele é tão diferente e tão linda.

    Bjok

  • Juliana . Oliveira dezembro 8, 2011

    Confesso que não conhecia este livro, mas, vi sua postagem e adorei a capa, portanto decidi ler. kkk'
    Após ler a sua resenha me interessei bastante pela história pois parece ser um livro envolvente e marcante também.
    Na verdade fiquei muito feliz de saber que no livro as narrações não são confusas e nem cansativas pois eu me canso muito fácil e perco muito fácil a minha concentração. kkk'
    Mas esse livro vai com certeza pra minha listinha no skoob que está enooorme!
    Parabéns pela resenha! *-*

    Juliana . Oliveira
    http://julyoli.blogspot.com/

  • Nattacha dezembro 8, 2011

    Nossa nunca tinha visto esse livro, acho que talvez o nome ja tenho visto em açgum lugar, mais a capa dele para mim é nova, e não creio que não o vi antes, parece realmente muiito bom! Essas viagens entre esses dois mundos, onde o protagonista encontra saude e tals, e claro que tem de haver um romancezinho para o livro ficar mais do que bom!
    Mas como nada é perfeito, algum impedimento ele vai ter ao ficar entre esses dois mundos!
    Adooorei a resenha Thias, quero ler o livro com certeza!
    Beijos :*

  • heder jobbins dezembro 8, 2011

    a capa chama a atenção mesmo, muito boa!

    eu quero ferias pra poder ler o dia inteiro!!

  • Talita Silva dezembro 8, 2011

    Primeiramente, adorei a resenha, segundo, que capa linda é essa? Amei. Veneza? O personagem anda por épocas, Adorei, simplesmente preciso ler.

  • Andressa Leite dezembro 8, 2011

    Que capa linda *-*. Não tinha ouvido falar do livro, parece bom mesmo.
    Diferente esse tema, ele pode visitar o passado por meio de um caderno.. Vou procurar para ler.

  • Suellen dezembro 8, 2011

    Uau!!!!!!!!!!!!!

    Adorei o livo, a resenha e eu quero. Nunca li nada parecido com o que você descreve. Eu quero lê.

    =)

  • Suzana Sabino dezembro 9, 2011

    Adorei a história do livro.
    Desde que o vi pela primeira vez já sabia, mesmo sem ver nenhuma sinopse ou resenha, que ia gostar dele, pelo desenho da capa, com pessoas com vestes antigas e tal. Adoro livros assim, que entrelaçam o passado com o presente. E tbm de descrições rápidas e eficientes. Odeia quando o autor fica enrolando, quando não direto ao ponto. 😡
    Enfim, ansiosa para ler. Agora, definitivamente, está na minha lista de favoritos. *-*

  • Suzana Sabino dezembro 9, 2011

    Quer dizer, lista de desejados. UASHUAHS.. 😀