01dezembro2011

Livro X Filme #1: Sangue e Chocolate – Annete Curtis Klause

Olá Galera!!!
Hoje trago mais uma estreia de coluna para vocês: Livro X Filme. Depois de assistir a decepcionante adaptação de Sangue e Chocolate pensei em dividir a minha opinião tanto sobre o livro, quanto sobre o filme. Sempre que eu ler alum livro que já tenha sido adaptado para o cinema vou estar postando esta coluna para comentar sobre o que achei de ambos. 
Vamos então conferir o que achei sobre “Sangue e Chocolate”?

Livro: Sangue e Chocolate
Autor: Annette Curtis Klause
Editora: Underworld
Categoria: Literatura Internacional / Romance / YA
ISBN: 9788564025240
Páginas: 256
Lançamento: 2011
Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ 

Sinopse: Sangue e Chocolate (Blood and Chocolate), escrito por Annette Curtis Klause, conta a história de Vivian Gandillon que saboreia a mudança, a dor doce e poderosa que a leva de garota à lobo. Com dezesseis anos, ela é bonita e forte, e todos os lobos jovens estão em seu pé. Mas Vivian ainda está de luto pela morte de seu pai; seu grupo continua sem um líder e em desordem, e ela se sente perdida nos subúrbios de Maryland. Ela deseja uma vida normal. Mas o que é normal para um lobo que precisa a todo custo esconder a sua identidade dos humanos? Vivian ganha a vida trabalhando numa loja de chocolates e acaba se apaixonando por um garoto humano, bom e gentil, gatoso um alívio bem vindo para ela. Ele é fascinado por magia, e Viviam deseja se revelar para ele. Provavelmente ele a entendêria sua natureza dupla e não sentiria medo ou repulsa como um humano normal faria. A lealdade dividida de Vivian é forçada ainda mais quando um assassinato brutal ameaça expor o grupo. Movendo-se entre dois mundos, ela não parece pertencer a nenhum dos dois e se sente perdida entre as regras de lealdade de seu mundo e a vontade de se revelar seu amado.



Brilhantemente intrigante! É assim que defino o livro de hoje.
Sangue e chocolate é mais um daqueles livros da Editora Underworld com a capa perfeita e diagramação mais perfeita ainda.
Quando vi este livro na bienal o que me motivou a comprá-lo foi a temática: lobo. Um livro inteiro dedicado a história de uma garota que pode se transformar em lobo. Fiquei realmente muito animada para ler e o livro não me decepcionou.
Vivian é uma adolescente com um segredo incomum. Ela pertence uma linhagem de Loup-garou, pessoas agraciadas pela Lua com um dom raro: o de se transformarem em lobos. Desde a morte do pai, Vivian se sente sozinha tentando entender qual o seu lugar. Na escola, a jovem não compreende porquê ela  não tem amigos.
“Então, por que os grupos de garotas paravam de falar quando ela se aproximava deles na escola e por que respondiam suas tentativas de puxar conversa de forma lacônica? Ela era bonita demais? Seria possível? Seria essa a ameaça que eles viam? Ela sabia que era uma linda loup-garou, os Cinco uivavam por ela, mas o que os olhos humanos percebiam?” (p.16)
Vivian tentava  viver sua vida como as outras garotas da sua cidade, pessoas comuns e sem segredos, mas por alguma razão ela não conseguia se misturar a eles.
“Fossem homens ou mulheres, eles resistiam a ela. Será que eles conseguiam ver a floresta em seus olhos? A sombra de sua pele animal? Seriam seus dentes muito afiados?É difícil ser um lobo, ela pensou.”(p. 16)
Mas o que Vivian menos esperava era que fosse se apaixonar por um humano. Seu fascínio pelo jovem Aiden se inicia quando ela lê uma poesia que ele escreveu:
“O título a assustou – “Transformação do lobo.” ”(p.18)
Fascinada pelo poema Vivian se encarrega de conhecer o jovem e logo percebe que eles tem muita coisa em comum, uma paixão dá inicio e Vivian gosta do que sente. Ela já não sabe mais viver sem Aiden, o amor realmente toma conta de seu ser.
Aiden e Vivian passam a viver momentos de muita paixão e Viviam se vê pela primeira vez, depois da morte do pai, feliz.
Quanto mais Vivian se envolve com o humano, mais se preocupa pelas consequências de tal envolvimento. E se ele descobrisse seu segredo? E se ela se transformasse na frente dele? E se ela perdesse o controle e o machucasse? Apesar de tudo isso Vivian se recusar a se afastar de seu amor.
No entanto, as coisas começam a ficar complicadas quando Vivian resolve se revelar para Aiden e ao contrário do que ela esperava, o garoto não aceita tão facilmente. Para piorar depois de algumas de suas transformações, Vivian acorda sem se lembrar de onde esteve e em seguidas relatos de morte começam a surgir na cidade. Seria ela a causadora daquelas mortes?
“Eu nunca apaguei antes. Eu nunca acordei coberta de sangue antes. É tudo culpa dele. Eu posso ter feito uma coisa terrível e é… tudo… culpa… dele.” (p.201)
Vivian precisa descobrir o que está acontecendo. As mortes na cidade chamam a atenção e se os humanos suspeitarem da existência dos loup-garou isso poderia ser o fim de sua matilha. Mas e se quem estiver colocando a matilha em risco for ela própria? O que fazer? Será realmente ela? E sua paixão por Aiden como fica? Será que ela e Aiden são almas gêmeas como ela imaginou no começo?
Essas são questões que respondidas durante o brilhante enredo escrito por Annete Curtis Klause transformam Sangue e Chocolate em um livro “incrivelmente intrigante”.
Durante toda a leitura me peguei por diversos momentos com raiva da Vivian, em outros momentos torcendo por ela e por Aiden para no final ter uma surpresa incrível com o desfecho da história. Vale muito a pena ser lido!
O filme “Sangue e Chocolate”

Filme: Sangue e Chocolate
Título Original: Blood and Chocolate
Diretor: Katja von garnier
Ano: 2007
Duração: 98 minutos
Classificação: ♥ ♥ ♥

Sinopse:  Vivian é uma jovem lobisomem descendente de uma linhagem de líderes, que se apaixona por um humano ameaçando a identidade e os segredos do seu povo para sempre. Agora, ela deverá cumprir uma profecia para proteger sua espécie ou enfrentar a ira daqueles que carregam nas veias seu próprio sangue. Dos produtores de Anjos da Noite e do mestre dos efeitos especias vencedor do Oscar® por Alien. 
Minha Opinião:
Assim que terminei a leitura do livro fiquei sabendo que tinha o filme e corri pra assistir. Minha opinião sobre o filme: decepção.
Não que o filme seja ruim, o filme é realmente interessante – mas apenas para quem não leu o livro.
Para começar o final é totalmente diferente, personagens que eram bons foram retratados como mal e o inverso também ocorreu.
Uma das cenas mais interessantes do livro que é o ritual para escolha do novo líder da matilha não foi retratado no filme e diferente do livro que conta que Vivian perdeu o pai há um ano e mora com a mãe, no filme Vivian perdeu ambos os pais quando criança e mora com a tia.
Enfim, toda a magia envolvendo os “loup-garou” foi retratada no filme de forma que parecesse quase com uma carnificina e não com a história de romances e descobertas de Vivian.
Todo mundo sabe que filmes nunca são fieis ao livro, mas o que realmente me incomodou foi o final do filme que é diferente do livro, final este que foi uma das razões porque o livro merece 5 estrelinhas na minha opinião.
Ou seja, o livro é maravilhoso… o filme decepcionante. 

 
Categorias:Outros
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • @ThMend dezembro 1, 2011

    Eu já tinha visto o filme beeem antes de ler o livro (ou até mesmo de saber que existia um livro).
    E você tem razão, o filme é bom e interessante… pra quem não leu o livro.
    Como eu não tinha lido, achei incrível, criativo etc.
    Depois que li o livro, fiquei tipo assim : O.O
    Como que conseguiram transformar o livro naquele filme totalmente diferente?
    Mas ambos são bons, claro, o livro é bem melhor.
    O caso se parece com o de Diários do Vampiro e sua série de tv, tudo diferente… hahaha
    beijos!

  • MARCINHOW dezembro 1, 2011

    Estou de olho nesse livro a um tempo… Pretendo compra-lo logo…
    De fato… nenhum filme é completamente fiel ao livro… normal, mas também odeio quando em um filme completamente diferente do livro…

  • Hope Lavelle/ Tau Brito dezembro 1, 2011

    Eu assisti apenas o filme, estou louca para ler o livro. É uma pena saber que o filme é tão diferente, pois eu gostei bastante. Mas não é nenhuma novidade eles estragarem totalmente o enredo quando fazem adaptação para as telonas.

    Beijos, Hope
    @HLavelle

  • Mey dezembro 1, 2011

    Nem sabia que tinha esse filme. Gosto da capa desse livro, é linda, mas como ando meio longe desse tipo de enredo, não tenho vontade de ler no momento. Mas adiante quem sabe. Bjks

  • Anne Viana dezembro 2, 2011

    Adoreeei a capa desse livro e a historia me chamou bastante atenção não sabia que tinha filme .. mas é sempre assim né os livros são otimos e os filmes sempre deixam a desejar =/

  • Nattacha dezembro 2, 2011

    Agora a nova moda é livro sobre lobos né ;P mas tenho que admitir que depois de ler os livros da Maggie Stiefvater tenho dado uma chance maior a esse tipo de leitura, espero que esse tema não comece a se repetir demais, quando ao livro, achei bem bacana o mocinho não ter aceito assim tão facil que sua "namorada" é um lobo, geralmente eles aceitam tudo por amor xD
    Adooorei a nova coluna, e tenho que deixar claro: não sou muito fã de ler um livro e depois ver o filme…. geralmente me frusta, então vejo só se quando o trailer agrada e tals….
    Beijinhos sua linda :*

  • Licia Dutra dezembro 2, 2011

    Mas é sempre assim,por mais que o filme seja bom,eles nunca conseguem chegar ao nível do livro,sempre falta alguma coisa. Eu já vi o filme e ainda vou ler o livro. Beijos.

  • Adriana dezembro 2, 2011

    Eu sempre me decepciono com os filmes de livros que li, infelizmente, é sempre assim. Esse livro me chamou a atenção pela capa, porque é simplismente linda, e lendo a resenha percebi que a história é muito boa e é claro que já entrou pra lista de desejados, bjooo!

  • Máh dezembro 2, 2011

    Acho a capa desse livro fantástica! Tenho que admitir que não sou fã de lobos – fora os de Calafrio. Mas quero dar uma chance a " Sangue e Chocolate". Agora..dá para acreditar que eu nem sabia que existia o filme?

    Beijos!

    Máh – Crazy for books.

  • Stephanie Munford dezembro 2, 2011

    Até agora só assisti o filme e amei!! Mas é claro que não me conformei com o final, mas no ano passado descobri que tinha um livro e tô super ansiosa para ler.

  • Andressa Leite dezembro 3, 2011

    Ainda não li o livro e nem vi o filme.
    A Editora Underworld produz umas capas lindas mesmo *-*.
    Odeio quando as adaptações se tornam totalmente diferentes do livro como se fosse outra história até.

  • heder jobbins dezembro 4, 2011

    a menina se transformar em lobo.. é o tipo de literatura que eu nao gosto. Mas acredito que qualquer literatura é melhor que sua respectiva adaptação em filme!

  • Raquel Pereira dezembro 4, 2011

    Eu ainda não vi o filme e nem li o livro.
    Mas ambos já estão na minha listinha.
    Tô querendo primeiro ler o livro e depois ver o filme, mas vamos ver.
    Geralmente os livros são bem melhores que os livros mesmo, acho que por terem mais detalhes e serem mais completos.
    Ah, e a capa do livro é linda né?

    Bjok

  • leitoracompulsiva dezembro 5, 2011

    Oi Pri,
    Pelo visto nem o livro e nem o filme entrarão na minha listinha!! Simplesmente porque a história é sobre lobos e tenho verdadeiro horror a lobisomens desde que me conheço por gente e meu irmão contava histórias de terror para me sacanear!! heheheh
    Beijos
    Camila – Leitora Compulsiva

  • Fábrica dos Convites dezembro 11, 2011

    É impressionante como acontece esta "decepção" quando lemos um livro e depois vamos ver o filme. São raras as pessoas que preferem filmes a livros. Não tinha reparado que este livro tinha filme também. Mas sempre prefiro ler antes o livro. Bjs, rose.

  • Mari Sampaio janeiro 2, 2012

    Adoro ringue literário!rsrs Não li nem assisti, então não tenho como dar minha opinião. Só direi que adorei a coluna nova, e que é horrível quando um filme te decepciona… Sei que nunca é fiel, mas pelo menos aceitável para os fãs do livro deveria ser…

    Beijos.

    Mariana Sampaio
    Blog Tijolinhos de Papel