09fevereiro2011

As Aventuras de Vareta e seus amigos – Ira J. Russo

Livro: As aventuras de Vareta e seus amigos
Autor:  Ira J. Russo
Editora:  Lexia
Categoria:  Literatura Nacional/infantojuvenil
ISBN:  9788563557056
Páginas:  161
Lançado:  2010


Vareta a principio nos parece um garoto comum.
Ele e seus amigos, Bolota e Jacaré, certo dia resolvem visitar um circo que chegou na cidade, mas ao chegar ao local em que o circo se encontra descobrem que há algo estranho, aparentemente no circo trabalham apenas crianças.
Achando isso muito estranho Vareta e sua turma decidem investigar e é nesse momento que eles encontram Miguel, um garoto que está fugindo do circo.
Quem é Miguel e o que o porquê ele está fugindo? Esta é a resposta que a turma decide encontrar e querendo ajudar o garoto Vareta e seus amigos decidem escondê-lo na fazenda dos pais de Vareta.
Quando tudo está mais calmo e Miguel já descansou e se alimentou ele decide contar aos garotos que salvaram sua vida toda a sua história e porquê de estar fugindo.
É nesse momento que a história fantástica (foi assim que minha prima de 9 anos definiu o livro ao terminar de ler) realmente começa.
Miguel era prisioneiro no circo, seus pais foram transformados em animais pelo dono do circo, assim como muitas outras pessoas também foram. O garoto está em busca de ajuda, segundo um sonho de um homem transformado em animal, para salvar todos aqueles que são prisioneiros Miguel precisaria encontrar duas pessoas: Tião e Vareta.
Vareta?
Isso mesmo, nosso protagonista acaba de ter seu caminho cruzado com Miguel para tentar descobrir o que está acontecendo naquele circo e como salvar aquelas pessoas.
Tião é um amigo de Vareta e junto com essa turminha de garotos protagonizará uma divertida e emocionante história na busca de respostas e alternativas para o mal que acontece naquele circo.

Este é um livro infantojuvenil bem diferenciado, com uma história rica em detalhes e envolvente.
Super recomendado pra galera que está iniciando o mundo da leitura.
Segundo minha prima Beatriz, que tem 9 anos e também leu o livro, a história é muito emocionante e ao que se nota realmente prende e envolve os leitores a que o livro se destina, fato que comprova tal afirmativa foi que a pequena Beatriz em vários momentos da leitura chegou a comentar: “mas eu preciso saber o que vai acontecer”, “eu achei que ele fosse morrer e fiquei triste”, entre outros.

Ira J. Russo demonstrou uma grande criatividade na criação de Vareta, um livro que vale a pena ser conhecido e super recomendado pra galerinha que está ingressando no mundo da literatura, e claro, super recomendado, para pessoas que assim como eu adoram uma boa literatura infantojuvenil.

Acompanhe mais do trabalho da autora:

***
Que tal concorrer a camiseta do livro Wake – Despertar Domingo Premiado? É fácil! É só comentar no post e dar RT no máximo cinco vezes por dia lá no twitter até o próximo sábado, as 23:59h

Boa Sorte! É o Viaje na Leitura sempre presenteando seus seguidores.

As Aventuras de Vareta(@irarusso) http://migre.me/3QAvB Concorra a camiseta Wake no #domingopremiado @viajenaleitura http://migre.me/3PezX

Categorias:Outros, Resenhas
Thaís Turesso

veja também os relacionados:

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Kate fevereiro 9, 2011
  • Naniedias fevereiro 10, 2011

    Adoro livros infanto juvenis =) Eles são essenciais no meio de algumas leituras ^^

  • Adriana fevereiro 10, 2011

    Eu e minha filha lemos a resenha juntas (ela tem 10 anos), e adivinha? "Ah mãe, eu quero ler esse livro"! Acho que to arrumando uma séria concorrente dentro da minha própria casa em matéria de vicio em leitura. Mas até eu acho que vou gostar dessa história.Bjinhos meninas!

  • Fábrica dos Convites fevereiro 10, 2011

    Vou procurar para os meus anjinhos. Bjs, Rose:D

  • Bruna:) fevereiro 11, 2011

    Booom, adorei 😉 até que eu gosto de livros infantis.

  • Ralf fevereiro 13, 2011

    Esse livro parece muito bonitinho, porque por ser para quem está começando a ler, é bom. Se eu tivesse um desse, presentearia o meu priminho.

  • KaahCullen_ fevereiro 13, 2011

    parece ser bem legal e divertido